O site de referência sobre Gestão de Pessoas.
Conheça os cursos online e os eventos virtuais do RH.com.br
Pesquisar
« Pesquisa Avançada »






13/07/2010
RH » Motivação » Artigo Enviar Comentar Compartilhar Imprimir

O poder do elogio

Por Dimitriu Alfredo para o RH.com.br

Já vi textos relacionados a esse assunto publicados em vários tipos de mídias, de vários autores diferentes, na faculdade e em livros. Mas, o que realmente me mostrou o verdadeiro poder do elogio foi o caso abaixo.

Na mesma sala em que trabalho, existe um departamento que tem suas atividades intimamente ligadas aos departamentos operacionais da empresa e, sendo assim, todos os seus fornecedores são colaboradores de outros departamentos.

Na minha empresa é sempre difícil conseguir que uma pessoa faça algo, se você não for um cliente externo ou alguém que esteja um degrau acima na hierarquia. Entretanto, um dos profissionais que trabalha nesse departamento que eu citei é diferente, seu nome é "Alex". Ele sempre consegue tudo o que quer e sempre é o mais produtivo de seu departamento. Percebendo isso, decidi tentar entender qual era seu segredo milagroso e observar, qual era sua estratégia de abordagem quando ia pedir algo para um de nossos colegas de trabalho.

Fazendo esta tarefa de "observação", curiosamente não percebi qualquer diferencial. Ele apenas chegava à pessoa, pedia ou mandava um e-mail e a tarefa saia numa boa. Eu ficava impressionado, pois apesar de ser bastante simpático, a princípio ele não fazia nada de diferente. Já situações semelhantes, envolvendo outras pessoas, tinham um desfecho totalmente diferente.

Foi quando certo dia eu tomava meu café da manhã e o vi chegando ao refeitório, com seu costumeiro bom humor. Foi, quando, percebi algo que me chamou a atenção. Alex chegou e já na fila começou a conversar com uma de nossas secretárias e a elogiou, ao falar sobre um trabalho que ela tinha feito para ele. Ele afirmou que a atividade dela tinha ficado muito boa. Comentou que ela era muito competente e que não poderia encontrar alguém que fizesse aquele trabalho tão bem feito. Alex fazia questão de falar na frente dos outros e, fazendo a maior farra, deixou a secretária muito feliz.

Vendo toda a cena, decidi falar com Alex e explicar que estava o observando e tivemos uma conversa que me deixou de queixo caído, pois ele falava de um jeito bem simples e seu raciocínio tinha uma coerência assustadora.

Ele me disse: - Eu sempre elogio as pessoas. Sempre faço isso com sinceridade, pois as pessoas precisam de elogios para massagear o ego e um elogio falso não vale nada. Não adianta eu chegar e falar que seu cabelo está legal, sendo que você sabe que não está. Quando eu faço um elogio, sei que provavelmente a pessoa vai querer ouvir outro elogio. Sempre que eu preciso de algo dessa pessoa, sei que ela fará bem, pois ela sabe que será elogiada novamente.

Refleti sobre essas palavras e percebi que era a mais pura verdade. Se soubermos usar o poder do elogio em nossas vidas, só conseguiremos coisas boas e com toda certeza seremos pessoas mais agradáveis para nossos colegas de trabalho, nossas famílias e amigos.

Elogie, enxergue o lado bom das pessoas, perceba o que elas fazem de melhor e desenvolva a capacidade de usar o PODER DO ELOGIO.

 

Palavras-chave: | reconhecimento | comprometimento |

  • O que você achou? Avalie:
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
Enviar Comentar Compartilhar Imprimir
CONTEÚDO RELACIONADO
COMENTÁRIOS (22)
Diana Scarpari em 30/04/2011:
O elogio com certeza massageia o ego, quem não gosta de ser bem tratado e se sentir valorizado? Mas a realidade é que poucos agem assim, acham muito mais fácil criticar do que elogiar, sabendo que uma crítica pode até minar a capacidade intelectual de um colaborador, ao passo que um elogio faz com que o mesmo sempre esteja disposto estar a altura do elogio e progredir sempre!

Adriana Spinola em 31/03/2011:
Muito bom. Infelizmente vejo que muitos empresários ainda têm a cultura da critica negativa, da queixa e punição, desconhecendo completamente o poder do elogio, da motivação e dos estimulos que palavras positivas e sinceras podem ocasionar. Ótimo artigo e tema para ser repassado!

Socorro em 30/03/2011:
Ótimo artigo, parabéns Dimitriu por compartilhar! Acredito no elogio como motivação e vejo que ainda há gestores que esqueceram totalmente da forma de fazê-lo, sentem-se mais à vontade para criticar e apontar erros.

Rhachild Carvalho em 29/03/2011:
O elogio é uma estratégica de motivação. É pura verdade essa matéria, pois todas as pessoas adoram elogios dos mais simples ao mais encantador. Fica feliz quem dar e agrada a quem recebe. Eu amei essa matéria...ela é show de bola!

eliane em 15/03/2011:
O elogio é uma das estratégicas de motivação. Ao ler este artigo lembrei-me de uma moça que desabafou comigo dizendo que onde ela trabalha, as reuniões falam em criticas e não ouvem elogios, deixando assim muito chateada com a atitude da empresa perante ao funcionários. Seria bom que os gestores utilizassem esta ferramenta, contribuia assim para um bom clima na organização.

Claudia Garacis em 12/11/2010:
Adorei o artigo!!! Também acredito no poder do elogio... afinal, serve de motivação e incentivo, pois ninguém executa qualquer tarefa sem reconhecimento. E isso vale também não só para o lado profissional como para o pessoal. Percebi isso com meu filho (14 anos, fase dificil), ao invéz de ficar criticando, coisa que eu já estava cansada, resolvi fazer diferente... passei a obesrvar as atitudes dele e sempre que ele fazia algo (por minimo que fosse), eu o agradecia e/ou elogiava. Consegui finalmente reverter situações que geravam estresse entre nós dois. Experimentem... funciona!!!

Vinício Da Silva Ferrão Júnior em 29/10/2010:
Gostaria de felicitar o autor pela abordagem. É claro que o elogio funciona como um reconhecimento pelo trabalho, esforço, ou engajamento para a realização de algo, onde é importante que se utilizem algumas competências adquiridas ou inactas. Elogiar alguém é sempre importante porque estimula a fazer mais e abre espaço a uma certa confiança, para podermos contar com este colaborador para este ou aquele trabalho. Inclusive, novos desafios para testar como esta pessoa reage.Por vezes é mais gratificante um elogio do que um estímulo, que poderá ser material, mas não aproxima a relação entre dirigentes e dirigidos. É importante que se busque com essa prática a relação harmoniosa da equipe e a confiança para novos desafios aos membros desta, com recurso posterior ao feedback

Jose Ramos de Melo em 22/07/2010:
Assunto relevante na melhoria das relações interpessoais e corretas relações humanas, contribuindo para um mundo melhor, pois desperta o entusiasmo para fazer as coisas bem feitas. Dentro do contexto que foi abordado pelo Dimitriu, perfeito, pois trata-se de um reconhecimento. Parabéns!

Antonio Carlos em 20/07/2010:
Muito interessante. Percebo que esta ferramenta é indispensável no dia-a-dia de um bom profissional. No entanto, faz-se necessário que empresários fiquem atentos e não esqueçam de usar esse instrumento da administração, que é muito poderoso na hora de conquistar melhor desempenho do grupo e mantê-lo sempre motivado. È o que chamamos de feddbak. Adm. Antonio Carlos Cerqueira

CARLA NEGROMONTE em 19/07/2010:
Muito bom! Não percebemos que no nosso dia-a-dia as atividades são tão corridas e os detalhes mais importantes ficam omitidos. Fundamental que o detalhe faça a diferença e esta seja a mais positiva possível. Abs

janaina em 17/07/2010:
Muito bom o texto. Sempre gostei de elogiar o trabalho de qualquer pessoa que me relaciono. Inclusive, sei reconhecer e até hoje tenho colhido bons frutos, principalmente no trabalho. Por que não elogiar? Eu também gosto de ser elogiada. abraço grande a todos!!

Francisco Sales em 15/07/2010:
Sempre queremos receber elogios e quase nunca elogiamos. Realmente muito bom o raciocínio!

Anônimo em 15/07/2010:
Boa noite Dimitriu. Gostei muito do seu texto, e percebo cituações semenlhantes no meu dia a dia. Vou mostrar pra todas pessoas do meu trabalho.

Karina Heide da Silva em 15/07/2010:
Boa Noite. Quero parabenizá-los pelo seu artigo. Esse texto nos mostra como às vezes é simples motivar seu funcionário e/ou colega de trabalho. Muito Obrigada pelas dicas. Karina

Hardeli em 15/07/2010:
Parabéns ao autor e a equioe que escolheu o artigo, mil vezes elogiar que criticar, mas ninguém vê isso. Como um simples gesto, uma simples palavra , fazem tão bem e tem um poder tão grande. Que nós possamos aprender cada vez mais com essas jóias de artigo. Vão em frente.

Glauco Ferreira em 15/07/2010:
Texto com muita propriedade. Parabéns.

Laís em 15/07/2010:
Dimi, parabéns pelo artigo. Te admiro porque analiso seu trabalho e vejo que você é um bom profissional. Ah! Não é só um elogio visando alguma tarefa em troca, é de verdade!

Adriana em 14/07/2010:
Adorei a mensagem. Vou encaminhar para os líderes da empresa onde trabalho.

frei fernancio barbosa em 14/07/2010:
Muito bom este trabalho sobre o segredo da bonança. Elogiar faz bem a quem quer se dar bem na vida.

Thiago em 14/07/2010:
Realmente sua matéria expressa muito bem o que ocorre em nosso cotidiano. Hoje em dia um erro cometido naquilo em que você está fazendo é o suficiente para ouvir criticas sobre o seu trabalho, e o engraçado é que nunca te elogiam por aquilo que você fez de certo. Muito boa a sua matéria, parabéns!!!

Kaue em 14/07/2010:
Parabens Dimi, todos sabem da sua capacidade e a força que tem para não desistir dos seus ideais. Muita sorte para ti aonde quer que vá. Vou me esforçar para cada dia que passe eu possa ter mais qualidade nas minhas palavras para com os outros e saber elogiar as pessoas da melhor forma e que seja verdadeira.

DAMIANA ANDRE DA SILVA em 14/07/2010:
É realmente muito importante um elogio, mas como disse o autor tem que ser sincero.A pessoa que recebe o elogio sabe muito bem se autor do elogio está sendo sincero. O elogio é motivador, deixa a pessoa que recebe feliz. Com certeza vai se empenhar cada vez mais nas suas tarefas. Além disso é um reconhecimento pelo trabalho bem feito.

PUBLICIDADE
Produtos RH.com.br

+ lidas
+ comentadas
+ enviadas
+ recentes
Produtos RH.com.br

Curso Online do RH.com.br

Curso Online do RH.com.br



PUBLICIDADE
Os textos publicados não representam, necessariamente, a opinião dos responsáveis pelo site RH.com.br. Confira o nosso Termo de Responsabilidade.
Todos os direitos reservados. É expressamente proibida qualquer reprodução.